Anunciada por Trump, tarifa sobre aço brasileiro que nunca entrou em vigor é revogada

Anunciada por Trump, tarifa sobre aço brasileiro que nunca entrou em vigor é revogada

Depois de causar mal-estar no governo brasileiro ao anunciar via Twitter que iria impor tarifas sobre o aço e alumínio do Brasil, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou atrás na medida — mas dessa vez, sem anunciar o recuo em suas redes sociais.

Dezoito dias após acusar o país de desvalorizar propositalmente o câmbio para obter vantagens desleais no comércio internacional — “algo ruim para os nossos fazendeiros”, conforme escreveu — e dizer que as novas tarifas seriam aplicadas com efeito “imediato”, o presidente americano conversou com o colega brasileiro, o presidente Jair Bolsonaro. No diálogo por telefone na tarde desta sexta-feira (20), o americano garantiu que as tarifas não serão impostas.

Na sequência, postou em sua rede social uma mensagem encarada pela gestão Bolsonaro como um desagravo: “Acabo de ter uma ótima conversa com o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro. Discutimos muitos assuntos de comércio. A relação entre Estados Unidos e Brasil nunca foi tão forte”.

Tarifas eram para o público interno

Na prática, no entanto, as novas tarifas de Trump jamais entraram em vigor. Embora o anúncio nas redes sociais tenha sido feito há mais de duas semanas, o decreto que regulamentaria as barreiras tarifárias nunca foi publicado pelo órgão responsável pelas relações comerciais americanas, o USTR.

Naquele momento, não apenas autoridades brasileiras, mas funcionários da gestão Trump demonstraram perplexidade com a medida anunciada pelo republicano, que não havia sido previamente discutida com o Departamento de Estado ou com o de comércio.

Mariana Sanches – @mariana_sanches

Da BBC News Brasil em Washington

https://www.bbc.com/portuguese/internacional-50875273

Posts